Follow by Email

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Cruz sagrada, seja minha luz
Não seja o dragão meu guia
Retira-te, Satanás,
Não me ofereça coisas vãs.
O que me ofereces é mal:
Bebes tu do teu próprio veneno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário