Follow by Email

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Pingos e letras

Passei toda a semana passada e o final de semana tomando todo cuidado do mundo para não dizer as palavras "segunda-feira Clara não vai à escola, porque vai ter aniversário". Eu não quero que ela coma as tranqueiras, ela nem pode comer as tranqueiras por conta das alergias, então decidi que ela vai ficar em casa para evitar vontades da parte dela e dózinhos de partes alheias (que culminem em "só um pedacinho, pra ela não ficar se sentindo de lado" e uma descarga de alergia, depois).

A professora me avisou sem as palavras "aniversário". "Bolo". "Salgado". Nada disso. Entramos num acordo de entendimento silencioso.

Em casa, eu disse "Clara não vai à aula na segunda". Depois que ela saiu da cozinha, balbuciei sem som "a-ni-ver-sá-ri-o". Sem som, eu juro.

Aí no meio da manhã liguei para casa, precisava avisar a Mirna. Tinha pedido pra Clara avisar a Mirna, também, mas vamos garantir.

- Mirna, hoje Ana Clara não vai à aula, viu?

- Ah, eu sei. Ela pulou da cama e me disse, "hoje não vou à escola, minha mãe falou, porque tem aniversário".

Mas eu não falei isso...oras, bolas.

Nada como ser observadora.

Mais uma vez, preciso ter olho no lance.


Nenhum comentário:

Postar um comentário